Portugal

Cartuxa

A área de vinha da Fundação Eugénio de Almeida é composta pelas vinhas das herdades de Pinheiros, Casito, Álamo da Horta e da Quinta de Valbom. A escolha das castas alentejanas consagradas e recomendadas para a Denominação de Origem Controlada Alentejo, (sub-região de Évora), tem sido fundamental na criação dos seus vinhos.
Dispõe hoje de mais de 400 hectares de área de cultivo próprio, com vinhas em permanente processo de renovação e reconversão, criteriosa e tecnicamente fundamentado e executado. A selecção das castas que sustentam a produção vinícola da Fundação resulta da sábia combinação entre a vasta experiência já construída e a informação técnico-científica de que hoje se dispõe.
Os padrões definidos para a qualidade da uva são de grande exigência sendo canalizado para a produção vitícola um vasto conjunto de recursos ao nível da qualificação dos técnicos intervenientes bem como de todos os processos laboratoriais envolvidos nesse controle de qualidade. É feita uma análise e escolha meticulosas das parcelas (natureza do solo, relevo, exposição solar...), das castas utilizadas e de todos os demais procedimentos técnicos de intervenção na planta durante a produção do fruto.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Bacalhoa

Em 1998, o Comendador José Berardo tornou-se o principal accionista e prosseguiu a missão da empresa, investindo no plantio de novas vinhas, na modernização das adegas e na aquisição de novas propriedades, iniciando ainda uma parceria com o Grupo Lafitte Rothschild na Quinta do Carmo.
Em 2007 a Bacalhôa tornou-se a maior accionista na Aliança, um dos produtores mais prestigiados nas categorias de espumantes de alta qualidade, aguardentes e vinhos de mesa. No ano seguinte, a empresa comprou a Quinta do Carmo, aumentando assim para 1200ha de vinhas a sua exploração agrícola.
A Bacalhôa dispõe de adegas nas regiões mais importantes de Portugal: Alentejo, Península de Setúbal (Azeitão), Lisboa, Bairrada, Dão e Douro.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Herdade da Malhadinha Nova

A Herdade da Malhadinha Nova é uma típica herdade familiar alentejana, comprada em 1998 pela família Soares: João, Paulo, Rita, João e Maria Antónia Soares. Situada em Albernôa, no coração do Baixo Alentejo, é um espaço de liberdade, que se perde no horizonte sem Limites.
Desde 1998, a paixão e empenho da família, levaram à transformação de terras há muito abandonadas em solos capazes de dar vida a produtos genuinamente alentejanos, dedicando-se à produção de vinhos de elevada qualidade e à criação de animais de raça autóctones em total harmonia com a Natureza e rigoroso regime de proteção com denominação de origem protegida (DOP).
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Quinta do Crasto

Com uma localização privilegiada na Região Demarcada do Douro, no Norte de Portugal, a Quinta do Crasto é propriedade da família de Leonor e Jorge Roquette há mais de um século. Tal como as grandes Quintas do Douro, a origem da Quinta do Crasto remonta a tempos longínquos na história do país: o nome Crasto deriva do latim castrum e significa “forte romano”.
A Quinta do Crasto possui hoje uma gama de produtos muito completa, desde Vinhos do Douro brancos e tintos, Vinhos do Porto de categorias especiais e Azeites Extra Virgem, com diferentes níveis de preços, posicionando-se essencialmente nas gamas premium e super premium. Ao longo dos últimos anos, todos os produtos da Quinta do Crasto têm vindo a ser altamente reconhecidos, quer pelo público em geral, quer pela crítica especializada, o que para a Quinta do Crasto assume a maior importância e responsabilidade face aos seus clientes e parceiros que, ano após ano, a brindam com a sua preferência.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Casa Ferreirinha

Integrada no património da A.A. Ferreira, uma das históricas casas de vinhos do Porto e Douro DOC, cuja primeira referência devidamente documentada surge em 1751 e a que o engenho de Dona Antónia Adelaide Ferreira deu dimensão e renome, a Casa Ferreirinha é hoje a referência máxima de vinhos do Douro. Apresentando um portfólio riquíssimo encabeçado pelo mítico Barca Velha, a sua gama contempla ainda outras estrelas como o Reserva Especial, o Quinta da Leda ou o Callabriga, como também celebrados vinhos de maior volume, casos de Vinha Grande, Papa-Figos e Esteva.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Aveleda

A Aveleda é um nome com várias gerações. Os primeiros registos de venda de vinho engarrafado datam de 1870, pela mão de Manuel Pedro Guedes (1837-1899), conhecido pela sua forte vocação empreendedora e considerado o fundador do negócio tal como o conhecemos hoje. O seu trabalho deu frutos e a qualidade dos vinhos da Aveleda começou a ser reconhecida, como o comprovam as medalhas de ouro arrebatadas nos concursos internacionais de Berlim (1888) e Paris (1889).
Hoje a empresa continua a pertencer a 100% à família Guedes, sempre empenhada em manter este legado familiar que já passou por várias gerações. Filho de Manuel Pedro Guedes, Fernando Guedes da Silva da Fonseca (1871-1946) deu continuidade ao trabalho de seu Pai, aumentando significativamente a capacidade produtiva da Quinta.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!



Casa Ermelinda Freitas

A empresa, iniciada em 1920 por Deonilde Freitas, continuada por Germana Freitas e mais tarde por Ermelinda Freitas, sempre dedicou especial atenção ao vinho. Pelo desaparecimento precoce do seu marido, Manuel João de Freitas, Ermelinda deu continuidade à empresa com colaboração da sua filha única, Leonor, que embora com formação fora da área vitivinícola, tomou a liderança da empresa reforçando assim a presença feminina na sua gestão.
Desde a primeira geração que esta casa aposta na qualidade das vinhas e dos vinhos, que inicialmente eram produzidos e vendidos a granel sem marca própria. Foi com a atual gestão que se deu a grande mudança de se criar marcas próprias. Assim, em 1997, iniciou-se um novo ciclo com o “Terras do Pó” tinto, primeiro vinho produzido e engarrafado da Casa Ermelinda Freitas.
Na Laticinios Marcelo você encontra outros vinhos deste produtor, venha conferir!